Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Projeção do Estado indica segunda maior safra de verão da história

Publicação:

Secretário Tarcisio Minetto analisou estimativas da Emater em coletiva de imprensa realizada na Expodireto Cotrijal
Secretário Tarcisio Minetto analisou estimativas da Emater em coletiva de imprensa realizada na Expodireto Cotrijal - Foto: Itamar Pelizzaro/SDR
Por Ascom SDR

A safra de grãos de verão deve encolher se comparada à colheita recorde do ciclo 2016-2017. O Estado estima a produção de 30,251 milhões de toneladas, volume 10% inferior ao da safra passada. Mesmo assim, deve ser a segunda melhor safra da história do Rio Grande do Sul. O impacto econômico da safra de grãos está estimado em R$ 27,34 bilhões, redução de R$ 3 bilhões em comparação a 2016/2017.

Para o secretário do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), Tarcisio Minetto, a expectativa é de que os preços compensem a colheita menor. "Estamos vendo que os preços estão reagindo e a safra da Argentina está tendo redução, o que talvez compense parte da perda do volume físico", disse Minetto nesta terça-feira (6), durante coletiva de imprensa na Expodireto Cotrijal, em Não-Me-Toque, onde a conveniada Emater apresentou a estimativa preliminar de safra de verão em coletiva de imprensa.

O desempenho das principais culturas de verão sofre impacto principalmente pela frustração da safra da soja no Sul do Estado, em razão da estiagem. A previsão é de que sejam colhidas 17,1 milhões de toneladas, volume 7,8% inferior ao da última safra. As demais culturas também deverão sofrer quedas: arroz, com 8,4 milhões de toneladas (-1,76%); feijão, com 68,3 mil toneladas (-8,82%); e milho, com 4,6 milhões de toneladas (-23,82%). 

Ao realizar um comparativo com a safra anterior, analisando área, rendimento e produção por região, as quatro principais culturas de grãos apresentaram queda. Para o ciclo de verão 2017-2018, a produção total deverá chegar a 30,2 milhões de toneladas. "Com esse resultado, alcançamos o segundo lugar no ranking das 10 maiores produções de grãos de verão no Estado", disse o presidente da Emater, Clair Kuhn. 

Participaram do café com a imprensa o diretor técnico da Emater, Lino Moura; o presidente da Cotrijal, Nei César Mânica; e o prefeito de Não-Me-Toque, Armando Carlos Roos; entre outras autoridades.

Os dados apresentados:

ARROZ | SAFRA 2017 – 2018

Área Total Estado (ha)

RS

Inicial

Atual

(%)

1.100.818

1.091.845

-0,82

Expectativa Produtividade Média Estado (kg/ha

RS

Inicial

Atual

(%)

7.748

7.750

+0,03

Expectativa Produção Total Estado (t)

RS

Inicial

Atual

(%)

8.529.006

8.461.967

-0,79

FEIJÃO 1ª SAFRA | 2017 – 2018

Área Total Estado (ha)

RS

Inicial

Atual

(%)

43.708

42.303

-3,21

Expectativa Produtividade Média Estado (kg/ha)

RS

Inicial

Atual

(%)

1.344

1.615

+20,16

Expectativa Produção Total Estado (t)

RS

Inicial

Atual

(%)

58.757

68.336

+16,30

MILHO GRÃO | SAFRA 2017 – 2018

Área Total Estado (ha)

RS

Inicial

Atual

(%)

731.216

721.620

-1,31

Expectativa Produtividade Média Estado (kg/ha)

RS

Inicial

Atual

(%)

6.284

6.375

+1,45

Expectativa Produção Total Estado (t)

RS

Inicial

Atual

(%)

4.595.048

4.600.086

+0,11

SOJA | SAFRA 2017 – 2018

Área Total Estado (ha)

RS

Inicial

Atual

(%)

5.702.780

5.710.091

+0,13

Expectativa Produtividade Média Estado (kg/ha)

RS

Inicial

Atual

(%)

2.938

2.998

+2,06

Expectativa Produção Total Estado (t)

RS

Inicial

Atual

(%)

16.753.980

17.120.949

+2,19

MILHO SILAGEM | SAFRA 2017 - 2018

Área Total Estado (ha)

RS

Inicial

Atual

(%)

388.711

378.710

-2,57

Expectativa Produtividade Média Estado (kg/ha)

RS

Inicial

Atual

(%)

37.500

37.660

+0,43

Expectativa Produção Total Estado (t)

RS

Inicial

Atual

(%)

14.576.663

14.262.218

-2,16

Fonte: Emater/RS

Secretaria do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo